Notícias

NOTA DE ESCLARECIMENTO 08/01/2019

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Diocese de Quixadá, em face de “falsas verdades” veiculadas em alguns meios de comunicação, vem prestar esclarecimentos à população quixadaense acerca do prédio da antiga maternidade.

1 – O prédio onde funcionou a Maternidade Jesus, Maria, José, desde quando foram construídas as novas instalações, há aproximadamente 25 anos, deixou de ser utilizado, estando o mesmo em estado avançado de deterioração;

2 – Partes da estrutura já ruíram, tendo sido o prédio saqueado: foram retiradas portas, janelas, telhado, etc;

3 – A manutenção daquele prédio seria algo extremamente dispendioso, de custo elevadíssimo, verba da qual a Diocese não dispõe. Para manter tal estrutura, teríamos que deixar de cumprir nosso papel primordial: evangelizar, e fazer caridade;

4 – Todo o trabalho de limpeza da área, tem como intuito maior, garantir a segurança e a saúde pública;

5 – Tudo está sendo realizado dentro da mais perfeita ordem e legalidade, inclusive com alvarás que nos ampara frente aos órgãos públicos;

6 – Em reunião com o Secretario de Cultura de Quixadá (Sr. Audênio Moraes), com representantes da AFAQ -Associação dos filhos e amigos de Quixadá (Sra. Maria Prima e Srs. Júnior Capistrano e Joaquim Neto), ficou acertado que a fachada do prédio seria preservada, conforme determina a Lei, e que a Secretaria com a AFAQ iriam buscar recursos para fazer toda a parte de escoramento e restauro, reunião esta registrada em ata e assinada pelos presentes;

7 – Após a citada reunião a Diocese de Quixadá, através dos seus representantes, foram até o membro do Ministério Público, Dr. Marcelo, para deixar aquele órgão ciente do que estava ocorrendo e das providências que haviam sido tomadas;

8 – Por fim, esclarece que o imóvel pertence à Diocese de Quixadá e até a presente data não existe nenhum tipo de negociação.

A Diocese de Quixadá, reitera seu compromisso com a comunidade, pelo bem servir aos interesses cristãos e respeito às normas que regem a boa convivência.

Qualquer notícia diferente do que aqui se expõe não passa de mero sensacionalismo, com o único interesse de atacar e tentar macular a imagem de pessoas íntegras, probas e cumpridoras de suas obrigações.

Pe. Pablo Nogueira Anselmo

Chanceler do Bispado e Ecônomo Administrador da Cúria Diocesana.